Project Description

Endocrinologia – Dra. Ana Luiza Cardoso – Natal/RN

Endocrinologia e equilíbrio para curtir todos os momentos com saúde e bem-estar.

Nada melhor do que tirar nossas dúvidas sobre saúde com quem realmente entende sobre o assunto, né?! Nossa cliente, @draanaluizacardoso, é especialista em endocrinologia e, diariamente, ajuda seus pacientes e usuários a alcançarem resultados através do equilíbrio entre saúde e bem-estar.
Esse projeto tem sido desenvolvido a várias mãos, a convite da Duna Admedia, com conteúdos para as redes sociais, blog posts, envio de newsletter e comunicação para relacionamento com a base de pacientes.
Confira esse projeto do nosso portfólio e acesse também o trabalho dessa profissional incrível.
View this post on Instagram

Espero que sim! 😅 E já que o assunto é sorriso, vamos falar do “hormônio da felicidade”, a serotonina. ⠀ ⠀ Uma das principais substâncias no tratamento para depressão e ansiedade, esse neurotransmissor, produzido pelos neurônios no nosso cérebro e células endócrinas do intestino, é responsável por inúmeros benefícios que melhoram a qualidade de vida. 🤗⠀ ⠀ No entanto, o baixo nível de serotonina pode aumentar o estresse no dia a dia, a hiperatividade, desregular o sono e afetar o nosso humor. Por isso, vamos falar também sobre um aminoácido essencial, chamado triptofano que, juntamente com a vitamina B3, a niacina e o magnésio, ajuda a produzir serotonina no nosso cérebro.⠀ ⠀ Infelizmente nosso corpo não é capaz de produzi-lo, mas há formas de ingeri-lo por meio da alimentação. O aminoácido é encontrado em alimentos como peixes, ovos, nozes, castanhas, leguminosas, banana, abacate, semente de abóbora, aveia, arroz integral, chocolate amargo e queijo tofu.⠀ ⠀ Como precursor da serotonina, o aminoácido ajuda a melhorar o humor, a reduzir a agressividade, prevenir a ansiedade e depressão, além de estimular a secreção de insulina e o hormônio do crescimento. 💪⠀ ⠀ As principais biomoléculas envolvidas no sono são serotonina e melatonina, ambas produzidas no corpo, naturalmente, a partir da ingestão do triptofano, sendo uma forma de ajudar a dormir melhor 😴.⠀ ⠀ Portanto, esses são alguns motivos para você começar a sorrir e a mudar sua alimentação, inserindo esse aminoácido na sua dieta! 🐟⠀ ⠀ Partiu melhorar a alimentação e ser mais feliz? Saúde também é qualidade de vida. 💛

A post shared by Dra. Ana Luiza Cardoso (@draanaluizacardoso) on

View this post on Instagram

Quem aqui gosta de um bom café ao longo do dia? 😂⠀ ⠀ Entre viciados em café e aqueles que não gostam de jeito nenhum, há sempre um questionamento: ele faz bem ou mal à saúde?⠀ ⠀ Neste post vamos esclarecer algumas dúvidas sobre o assunto. Afinal, segundo a Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC), o café está presente em mais de 98% das residências do país.⠀ ⠀ Todo mundo pode tomar café? Não. O café estimula a secreção gástrica de ácido clorídrico, é estimulante do sistema nervoso central e aumenta a resistência das nossas artérias. Além disso, acentua a perda urinária de cálcio e dificulta sua absorção no intestino. Por isso, pacientes com gastrite, doença do refluxo gastroesofágico, hipertensão, osteoporose e insônia devem evitar a cafeína. No entanto, em acompanhamento com o médico, é possível o consumo moderado de até 300mg por dia. Tudo depende da sensibilidade individual e das doenças associadas.⠀ ⠀ A influência do café no sono já é bem conhecida, e muitas vezes utilizada quando precisamos ficar acordados apesar do cansaço, não é mesmo? Por isso, é necessário dosar a quantidade de café diário e evitar seu consumo após as 18 horas para não comprometer a qualidade do seu sono.⠀ ⠀ E sobre uma das perguntas que mais escuto no consultório: café ajuda a emagrecer? 🤔⠀ ⠀ O café acelera o metabolismo do nosso corpo, ajudando na queima de gordura. Mas para esse efeito ser clinicamente significativo, a quantidade de cafeína seria muito grande. E existem vários fatores como atividade física e quantidade de massa magra que influenciam muito mais. Utilizar o café para este fim não só não te levará ao emagrecimento quanto te trará os prejuízos relacionados ao consumo excessivo, incluindo taquicardia, tremores e insônia.⠀ ⠀ ⠀ (Continua nos comentários)

A post shared by Dra. Ana Luiza Cardoso (@draanaluizacardoso) on

Veja + nas Redes!